Cenários de Uso da Vídeo Conferência

Existem duas possibilidades de uso da infraestrutura de videoconferência:

  • Self-Service - usuário manipula os equipamentos sem assistência
  • Schedule-Service - a conferência é pré-agendada no sistema que opera a conferência

O usuário utiliza a sala sem assistência (com ajuda de tutorial ou de conhecimento empírico).

Procedimentos necessários:

  1. usuário: reserva as salas físicas de videoconferência ou solicita a cada um dos pontos que faça a reserva.
  2. usuário: entra em contato com todos os pontos e passa as infos:
    1. sala reservada (ponto-a-ponto, multiponto reservada ou pública, …);
    2. dia e horário;
  3. usuário: estabelece conexão e orienta a todos os outros pontos.
  4. SETIC/SEINFRA: sem conhecimento ou monitoramento.

As videoconferências são pré-agendadas e o sistema inicia automáticamente a reunião.

Procedimentos necessários:

  1. usuário: reserva as salas físicas de videoconferência ou solicita a cada um dos pontos que faça a reserva.
  2. usuário: abre chamado via sistema de Help-Desk (SEINFRA → Vídeo Conferência) com as seguintes infos:
    1. dia, horário, duração (aproximada) e as salas reservadas.
  3. SETIC/SEINFRA: realiza o agendamento da conferência via sistema.
  4. SETIC/SEINFRA: início automático (ou manual, se necessário) da videoconferência.
  5. SETIC/SEINFRA: monitoramento, quando possível, do andamento da videoconferência (pontos ativos, qualidade, reconexão de pontos, …)

Abra um chamado via sistema de Help-Desk (SEINFRA → Vídeo Conferência) com seu questionamento, entraremos em contato assim que possível para lhe auxiliar.